Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



À terceira

por wcyl, em 05.11.13

Em 2011 no selecto Brook Club em Nova York Paulo Portas teve a oportunidade de se sentar à mesa com Henry Kissinger o secretário de Estado, conselheiro político e confidente do antigo Presidente americano Richard Nixon e expoente máximo das matérias internacionais dos EUA.

 

Deveria ter aproveitado Portas para se aconselhar com este politico experimentado. Caso o tivesse feito lembrar-se-ia enquanto escrevia o guião da reforma do estado desta conhecida história que Martim Avillez Figueiredo conta no Expresso.

 

Henry Kissinger nunca lia a primeira versão dos relatórios que lhe entregavam. Agarrava neles e deixava-os de novo na mesa dos seus colaboradores com a seguinte nota manuscrita. “Is this the best you can do?”

As suas equipas, claro, mergulhavam novamente no documento. Kissinger repetia a graça mais duas vezes e lia finalmente o documento à terceira.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 2/2



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

subscrever feeds